quinta-feira, 17 de abril de 2008

A Dama Ausente - Sérgio Milliet



Brilhará a lua que não vejo

nas montanhas de minha terra?

Para que amores na serra

Brilhará a lua que não vejo?

Mais um dia longe, tão longe

que nem mesmo a intuição alcança

os gestos da dama ausente.

As sombras enchem os meus olhos

fechados para o presente.

.

Mais um dia longe tão longe

que nem mesmo o amor alcança

os gestos da dama ausente...

.


.

3 comentários:

Daniel Rodrigues disse...

Estarei sempre presente neste seu jardim q referencia o amor.

Estella disse...

Um mimo! Beijos

Sérgio Amaral disse...

Parabéns novamente, adoro estar aqui. Beijo!